História Jogos

História dos GreNais: a maior goleada oficial é do Internacional

Todos sabem que os gremistas sempre se vangloriam da vitória de 10 a 0 no Sport Club Internacional no dia 18 de julho de 1909. Eles sempre esquecem que naquela época o futebol era amador, o Internacional recém fundado, e o jogo era um amistoso. O mais importante é que a maior goleada oficial é do Sport Club Internacional, e ganhamos de 7 a 0 do Grêmio em 1948. Continue a leitura e saiba mais desse jogaço.

Leia também:

Internacional Campeão Gaúcho em 1914 e 1916: quando estes títulos serão reconhecidos?

4 GreNais marcantes que entraram para a História do Internacional

A maior goleada oficial é do Internacional

É isso mesmo: o Internacional aplicou uma antológica goleada de 7 a 0 no Grêmio em 17 de setembro de 1948, na partida final do campeonato da cidade de Porto Alegre. O jogo foi realizado no campo do clube tricolor. Estávamos na época do “Rolo Compressor”, e o Grêmio não era páreo para a equipe colorada, que era praticamente insuperável, com os jogadores Ivo, Nena, Abigail, Tesourinha e Carlitos.

Para completar a situação, o Grêmio ficou irritado com uma marcação do árbitro no jogo anterior, e colocou um time misto em campo, deixando alguns dos jogadores titulares para um amistoso em Curitiba.

A rapidez das jogadas e os arremates fulminantes do Inter fizeram a rede do Grêmio balançar por nada menos que sete vezes. O herói colorado naquela tarde no estádio do Grêmio foi o argentino Villalba, com 4 gols. Os gols foram marcados nas seguintes quantidades: 4 gols de Villalba, 2 de Carlitos e 1 de Roberto.

O Inter jogou com a famosa equipe do Rolo Compressor: Júlio Petersen; Viana e Risada; Lewy, Brandão, Silenzi e Acácio Castillo; Sylvio Pirilo, Miguel, Filhinho, Rui Motorzinho.

Até hoje, sem sombra de dúvidas esta é a maior goleada da história do Internacional sobre o seu rival, e a maior goleada oficial desde a profissionalização do futebol no estado.

GreNal dos 11 a 0

Cabe ressaltar que ainda tivemos uma vitória ainda maior, e que seria de 11 a 0, caso não tivéssemos 5 gols anulados. Mesmo com a anulação de 5 gols, em 1938 o Colorado venceu o Grêmio por 6 a 0. O árbitro Álvaro Silveira anulou cinco gols consecutivos pois achava que “era gol demais para um só Gre-Nal”.

Via Internacional

Leave a Reply

11 COMMENTS

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *